O FINANCIAMENTO DAS CANDIDATURAS A VEREADOR NAS ELEIÇÕES DE 2016 EM CURITIBA, E SUA RELAÇÃO COM O SUCESSO ELEITORAL DOS CANDIDATOS

Vitor Pimenta Gomes de Souza, Hélio Rubens Godoy Lechinewski

Resumo


Questões relativas ao financiamento eleitoral tem se tornado cada vez mais presente nos noticiários e debates políticos no Brasil. Este artigo tem como objeto de estudo as eleições para vereadores de Curitiba no ano de 2016, na qual se procura verificar a importância das finanças para este pleito eleitoral. Foi realizado um levantamento de dados dos 1047 candidatos a vereadores de Curitiba, as informações foram obtidas no Portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os candidatos foram separados de acordo com os seus desempenhos eleitorais para, assim, serem feitas melhores comparações entre os postulantes. Estabelecida a metodologia, é aprofundado o estudo em relação às finanças destas candidaturas, demonstrando que para obterem um bom número de votos na eleição legislativa curitibana de 2016, têm de alcançar um número considerável de contribuição por pessoas físicas e recorrer em certa medida aos seus próprios recursos, como também, a um gasto eleitoral considerável. Além disso, se verifica que os partidos possuem uma maior tendência em alocar seus recursos para os candidatos que já possuem ou possuíram algum cargo público eletivo, assim como as doações entre candidatos também sugerem a mesma propensão. Por fim, para que se possa realmente ter além de votos, ter o sucesso eleitoral, o candidato, fora um número razoável de recursos financeiros, precisa estar em um partido e/ou uma coligação que se faça competitiva.

 

Palavras-chave


Financiamento Eleitoral; Eleições Municipais; Curitiba.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Lei Nº 13.165 de 29 de Setembro de 2015. Altera as Leis nos 9.504, de 30 de setembro de 1997, 9.096, de 19 de setembro de 1995, e 4.737, de 15 de julho de 1965 - Código Eleitoral, para reduzir os custos das campanhas eleitorais, simplificar a administração dos Partidos Políticos e incentivar a participação feminina. Disponível em: Acesso em: 19 Nov. 2018. Texto Original.

CERVI, E. U.; COSTA D. L.; CODATO A.; PERISSINOTTO R.; Dinheiro, profissão e partido: a vitória na eleição para deputado federal no Brasil em 2010; Sociedade e Estado; Brasília; 2015.

CERVI, E. U.; SILVA, B. F.; Padrões de financiamento eleitoral no Brasil: as receitas de postulantes à Câmara dos Deputados em 2010 e 2014; Revista Brasileira de Ciência Política; Brasília, 2017.

EDUARDO, F. L.; ARAÚJO, V. Perfil do candidato ou dinheiro: de onde vem o sucesso eleitoral dos candidatos, em eleições proporcionais no Brasil ?; Teoria & Pesquisa; São Carlos, 2017.

HEILLER, J. G; Democracia: O Jogo das Incertezas X Financiamento de Campanhas. Uma Análise das Prestações de Contas das Campanhas de Vereadores de SC; Dissertação (Mestrado para Sociologia Política) - Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Universidade Federal de Santa Catarina; Florianópolis; 2011.

JACOBSON, G. The Effects of Campaign Spending in Congressional Elections; American Journal of Political Science; San Diego; 1978.

LEMOS, L. B.; MARCELINO, D.; PEDERIVA, J.; Porque dinheiro importa: a dinâmica das contribuições eleitorais para o Congresso Nacional em 2002 e 2006; Opinião Pública, Vol. 16; Campinas; 2010.

LEONI, E.; PEREIRA, C.; RENNÓ, L.; Estratégias para sobreviver politicamente: escolhas de carreiras na Câmara de Deputados do Brasil; Opinião Pública, Vol. IX; Campinas; 2003.

MANCUSO, W. P; HOROCHOVISKI, R.R; CAMARGO, N. F.; Empresários e Financiamento de Campanhas na Eleição Presidencial Brasileira de 2014; Teoria & Pesquisa; São Carlos; 2016.

MANCUSO, W. P; SPECK B. W.; Financiamento de Campanhas e Prestações de Contas; Cadernos Adenauer XV; Rio de Janeiro; 2014.

NICOLAU, J; Sistemas Eleitorais; Editora FGV; Rio de Janeiro; 2004.

NICOLAU, J. M.; SCHIMITT, R. A.; Sistema Eleitoral e Sistema Partidário; Lua Nova: Revista de Cultura Política; São Paulo; 1995.

SACCHET, T.; SPECK, B. W.; Financiamento Eleitoral, representação política e gênero: uma análise das eleições de 2006; Opinião Pública; Campinas; 2012.

SPECK, B. W.; MANCUSO, W. P; O que faz diferença? Gasto de campanha, capital político, sexo e contexto municipal nas eleições para prefeito em 2012; Cadernos Adenauer XIV; Rio de Janeiro; 2013.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista do Legislativo Paranaense ISSN 2595-6957

Indexado em:

Google Acadêmico