ALOCAÇÃO DE RECURSOS NO PROCESSO LEGISLATIVO ORÇAMENTÁRIO NO ESTADO DO PARANÁ

Rodrigo Kanayama, Fabrício Tomio, Eduardo Miranda

Resumo


O artigo trata do processo legislativo orçamentário no Estado do Paraná, em especial da tramitação na Assembleia Legislativa. Analisa a alocação de recursos por meio de emendas parlamentares e procura determinar a existência de conexão eleitoral. A pesquisa levantou dados da apresentação de emendas orçamentárias no Poder Legislativo por cada legislatura e por cada parlamentar, trazendo luzes ao comportamento eleitoral e parlamentar dos deputados estaduais.


Palavras-chave


Conexão eleitoral; Orçamento Público; Lei Orçamentária; Alocação; Paraná.

Texto completo:

PDF

Referências


AMES, Barry. Electoral rules, constituency, pressures and pork barrel: bases of voting in the Brazilian Congress. Journal of Politics, v. 57, n. 2, 1995.

AMORIM NETO, Octavio. Gabinetes presidenciais, ciclos eleitorais e disciplina legislativa no Brasil, Dados, Rio de Janeiro, v. 43, n. 3, 2000.

AMORIM NETO, Octávio; SANTOS, Fabiano. O segredo ineficiente revisto: o que propõem e o que aprovam os deputados brasileiros. Dados, Rio de Janeiro, n. 46, v. 4, p. 661-699, 2003.

ARRETCHE, Marta; RODDEN, Jonathan. Política distributiva na federação: estratégias eleitorais, barganhas legislativas e coalizões de governo. Dados – Revista de Ciências Sociais, Rio de Janeiro, vol.47, n.3, pp.549-576, 2004.

BALEEIRO, Aliomar. Uma introdução à ciência das finanças. Rio de Janeiro: Forense, 2008.

FIGUEIREDO, Argelina Cheibub; LIMONGI, Fernando. Executivo e Legislativo na Nova Ordem Constitucional. Rio de Janeiro: Editora FGV, 1999.

FIGUEIREDO, Argelina Cheibub; LIMONGI, Fernando. Incentivos eleitorais, partidos e política orçamentária. Dados, Rio de Janeiro, n. 2, v. 45, 2002.

FIGUEIREDO, Argelina Cheibub; LIMONGI, Fernando. Processo orçamentário e comportamento legislativo: emendas individuais, apoio executivo e programas de governo. Dados, Rio de Janeiro, v. 46, n. 4, 2005.

FIGUEIREDO, Argelina Cheibub; LIMONGI, Fernando. Política orçamentária no presidencialismo de coalizão. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2008.

KANAYAMA, Rodrigo Luís. Orçamento público. Rio de Janeiro: Lúmen Juris, 2016.

KANAYAMA, Rodrigo Luís. Reflexões sobre o orçamento impositivo: as emendas individuais impositivas. Revista de Direito Público da Economia – RDPE, Belo Horizonte, ano 12, n. 47, p. 239-256, 2014.

KUGELMAS, E.; SALLUM JUNIOR, Brasilio; GRAEFF, E. Conflito federativo e transição política. São Paulo em Perspectiva, v. 3, n. 3, p. 95-102, 1989.

LANCASTER, Thomas D. Electoral Structures and Pork Barrel Politics. International Political Science Review, v. 7, n. 1, p. 67-81, 1986.

LANCASTER, Thomas D., PATTERSON, David W. Comparative Pork Barrel Politics: Perceptions from the West German Bundestag. Comparative Political Studies, v. 22, n. 4, p. 458-77, 1990.

LEMOS, Leany Barreiro de S. O congresso brasileiro e a distribuição de benefícios sociais no período 1988-1994: uma análise distributivista. Dados, v. 44, n. 3, p. 561-605, 2001.

LIMA, Edilberto Carlos Pontes. Algumas observações sobre orçamento impositivo no Brasil. Planejamento e Políticas Públicas, n. 26, jun./dez., 2003.

MARQUES, Eduardo C. Notas críticas à literatura sobre Estado, políticas estatais e atores políticos. BIB, 43, 1997.

MAYHEW, D. Congress: The Electoral Connection. New Haven, Yale University Press, 1975

MESQUITA, Lara. Emendas ao orçamento e conexão eleitoral na Câmara dos Deputados Brasileira. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.

MIRANDA, E. S. Emendas parlamentares e processo legislativo orçamentário, o caso do Paraná (1998-2011). 120 f. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) – Setor de Ciências Humanas e Letras, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2013.

MIRANDA, Eduardo Soncini. Emendas parlamentares e processo legislativo orçamentário: uma análise comparada dos estados do RS, PR, MG, SP, ES e BA. Tese (Doutorado em Ciência Política) – Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2018.

OLIVEIRA, Régis Fernandes de. Curso de Direito Financeiro. 6. ed. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2014.

PEREIRA, C.; MUELLER, B. Comportamento estratégico em presidencialismo de coalizão: as relações entre executivo e legislativo na elaboração do orçamento brasileiro. Dados – Revista de Ciências Sociais, Rio de Janeiro, v. 45, p. 265-301, 2002.

PISCITELLI, Roberto Bocaccio; TIMBÓ, Maria Zulene Farias; ROSA, Maria Berenice. Contabilidade pública: uma abordagem da administração financeira pública. 6. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

PONTES DE MIRANDA, Francisco C. Comentários à Constituição de 1946. Rio de Janeiro: Borsoi, 1960.

RICCI, Paolo. O conteúdo da produção legislativa brasileira: leis nacionais ou políticas paroquiais? Dados, v. 46, n. 4, p. 699-734, 2003.

RODDEN, Jonathan. Reviving Leviathan: Fiscal Federalism and the Growth of Government. International Organization, n. 57, p. 695-729, 2003.

RODDEN, Jonathan. Federalismo e descentralização em perspectiva comparada: sobre significados e medidas. Revista de Sociologia e Política, Curitiba, 24, p. 9-27, jun., 2005.

SANTOS, F. (Org.). O poder legislativo nos estados: diversidade e convergência. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 2001.

SANTOS, F.; AMORIN NETO, O. A produção legislativa no Congresso Nacional: entre a paróquia e a nação. In: VIANNA, L. W. (Org.). A democracia e os três poderes no Brasil. Belo Horizonte/Rio de Janeiro: UFMG/IUPERJ-FAPERJ. 2002. p. 91-139.

SHUGART, M.; CAREY, J. Presidents and assemblies: constitutional design and electoral dynamics. Cambridge University Press, 1992.

SHUGART, M.; CAREY, J. Incentives to cultivate a personal vote: a rank ordering of electoral formulas. Electoral Studies, v. 14, n. 4, p. 417-439, 1995.

TOMIO, F. R. de L. Medidas provisórias, iniciativas e decisões legislativas no processo decisório estadual catarinense. In: CARREIRÃO, Y.; BORBA, J. Os partidos na política catarinense – eleições, processo legislativo, políticas públicas. Florianópolis-SC: Insular, 2006.

TOMIO, F. R. de L. Iniciativas, cenários e decisões no processo legislativo estadual. Revista Estudos Legislativos, v. 5, p. 54-70, 2011.

TOMIO, F. R. L.; RICCI, P. O governo estadual na experiência política brasileira: as performances legislativas das Assembleias estaduais. Revista de Sociologia e Política, v. 21, p. 193-259, 2012a.

TOMIO, F. R. L.; RICCI, P. Seis décadas de processo legislativo estadual: processo decisório e relações executivo/legislativo nos estados (1951-2010). Cadernos da Escola do Legislativo, v. 13, p. 57-108, 2012b.

TORRES, Ricardo Lobo. Tratado de Direito Constitucional, Financeiro e Tributário, v. 5. Rio de Janeiro: Renovar, 2008.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista do Legislativo Paranaense ISSN 2595-6957

Indexado em:

Google Acadêmico